Pular para o conteúdo principal

Episódio do maníaco Lázaro comparado os "Imãos Necrófilos"

Coluna Eixo Capital, por Ana Maria Campos


Foto/divulgação 

Um caso ocorrido entre 1994 e 1995 na região de Nova Friburgo, no Rio de Janeiro, tem sido comparado com o episódio do maníaco Lázaro. Dois irmãos acostumados a se embrenhar no mato passaram quatro meses escondidos, sob busca de policiais e moradores da região depois de cometerem uma série de crimes, inclusive com violência sexual. No desfecho, um dos irmãos, Ibraim Oliveira, acusado de nove assassinatos morreu sob tiros de policiais do Bope. O irmão, Henrique Oliveira, 21, morreu antes. Segundo a PM, o disparo ocorreu quando Ibraim tentou atacar um agricultor com uma faca. O caso ficou conhecido como “Irmãos Necrófilos”, porque eles praticavam sexo com os cadáveres de suas vítimas.

Davi x Golias

Enquanto moradores, comerciantes e fazendeiros de Cocalzinho (GO) estão aterrorizados com a presença do maníaco Lázaro Barbosa de Sousa na região, policiais que acompanham as buscas estão pessimistas quanto a um desfecho rápido do caso. É um embate em que, de um lado, há um exército de policiais treinados e equipamentos para buscas de criminosos e, de outro, um alvo esperto, que está em seu habitat natural e não tem nada a perder. É uma espécie de guerra dos Estados Unidos contra o Vietnã. Davi versus Golias. E já sabemos como acabou.

O caso Lázaro virou discurso para bolsonaristas que criticam direitos humanos

O deputado Eduardo Bolsonaro postou ontem (17/6:) “Lázaro é só mais um exemplo de criminoso que só não cometeu crimes em sua vida adulta durante um período: em q esteve preso. Todos que bradam: ‘Mais escolas, menos cadeia’, ‘Prisão é universidade do crime’, ‘Superlotação é desumano’… Mordem a isca para que bandidos como este estejam livres”

Informações do Correio Braziliense


Uma outra fonte importante que saibam é a história de Alice Almeida foi executado e interrada pelo companheiro, policiais nunca pegaram o autor do crime, moradores do povoado afirmaram que o mesmo ficava invisível até que as forças de segurança desistiram. Leia a História AQUI:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto que o Brasil precisa

Willian Gonçalves Faria - Foto/divulgação       Willian Gonçalves faria, natural de Patos de Minas MG, 28 anos de idade, morador de São de Sebastião Distrito Federal , vem lutando pela melhoria das políticas pública de educação tem um projeto de sua autoria que percorre esferas do governo federal em prol da educação. O projeto: ”Ensino de Portas Abertas a Arte, Cultura e Inovação” – trabalhando o conceito vida consiste em introduzir dentro da matriz escolar soluções positivas junto a crianças e adolescentes apoiado pelos professores. Sendo construído em sala de aula em troca mútua de conhecimento, ou seja, o projeto consiste em inserir no dia a dia da escola ações que possibilitem tomadas de decisões com situações reais que acontecem no país. William Gonçalves Faria - Foto/divulgação  O jovem oriundo do Estado de JK, visionário igualmente ao presidente construtor da capital Federal conhecedor e experiente nas lutas e discurssões sociais por meio de ONGs e entidades representativas ecle

GDF lança edital para construção de creche na Estrutural

O Governo do Distrito Federal (GDF) publicou no Diário Oficial DF (DODF) o edital de concorrência para a construção de um Centro de Educação para a Primeira Infância (Cepi), na Cidade Estrutural. O espaço, que terá capacidade para receber até 188 crianças, foi orçado em R$ 3,4 milhões e deverá ser entregue à população no segundo semestre de 2022. A região reivindica há anos a existência de novas creches. Atualmente, segundo o governo, cerca de 276 crianças estudam em creches conveniadas justamente por falta de espaço público. Com a construção do Cepi, que vai ser edificado na Quadra 3, Área Especial 2, no Setor Complementar de Indústria e Abastecimento, o governo pretende atender as crianças em dois turnos ou em turno integral. O novo Cepi será constituído de cinco salas para atendimento à faixa etária de zero a seis anos; salas multiuso e administrativas, fraldário, lactário, sanitários, cozinha, refeitório, playground, fechamentos com gradil, portões e muro; calçadas, rampas, estacio

Atos direcionados do GDF suspendem pagamentos de tributos de 138 imóveis do governador

  Fênix do Planalto   Sem categoria   26 out 2020 Atos direcionados do GDF suspendem pagamentos de tributos de 138 imóveis do governador Por Lucas Valença Informações do Quid Novi Com uma manobra patrimonial, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), evita pagar uma cifra milionária em impostos com a publicação de dois atos direcionados às empresas do próprio Chefe do Executivo e de sua ex-esposa, Luzineide Getro de Carvalho, emitidos pela Secretaria de Economia, subordinada à sua gestão. Ao total, 139 imóveis de propriedade do governador e de sua ex-mulher, com valor estipulado em cerca de R$ 61 milhões, estão listados para serem isentos do pagamento do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) de maneira irregular, segundo especialistas ouvidos pela reportagem. Um detalhe que chama a atenção é a velocidade com que as decisões tramitaram no Sistema Eletrônico de Informações (SEI), em menos de 10 dias. Os imóveis pertencentes à empresa do atual governador deveriam, em