Pular para o conteúdo principal

Após 21 dias de abordagem da Rotam, homem continua desaparecido

Informações: hnt.com.br em 06/08/2020


Por: JOYCY AMBRÓSIO

Passados 21 dias, familiares e amigos de Maurício Sousa Costa, 34 anos, ainda procuram informações sobre seu paradeiro. Ele sumiu após ser abordado por policiais do Batalhão de Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), em um mecânica, em Várzea Grande. A Polícia Militar informou que os PMs envolvidos foram identificados e deverão prestar esclarecimentos.


Os familiares de Maurício informaram que no dia 17 de julho ele estava chegando ao bairro Parque do Lago, quando parou em um mecânica para arrumar o vidro de seu carro, um veículo Chevrolet Prisma. Neste momento, dois policiais à paisana que estavam no local ligaram para os policiais da Rotam avisando que o homem estaria ali.

Após o chamado, os militares da Rotam foram ao local e abordaram Mauricio e o colocaram em uma viatura, sem algemas. Já o seu veículo foi levado por outros policiais. Porém, o homem não foi levado para nenhuma delegacia. Diante disso, os familiares começaram a procurar por notícias dele. 

Dois dias depois (19 de julho), o carro de Maurício foi encontrado carbonizado na região rural Santa Clara, em Santo Antônio do Leverger (25 km de Cuiabá). O veículo foi encontrado totalmente depenado. Porém, o homem não foi localizado.

Outro lado 

Procurada pela reportagem, a Polícia Militar informou que a equipe da Rotam, que estava trabalhando no dia do desaparecimento de Maurício, foi identificada pelo oficial da instituição que preside o inquérito policial militar (IPM). 

A assessoria de imprensa da Polícia MIlitar não informou se os policiais foram afastados ou se estão trabalhando no administrativo da corporação.

O caso é acompanhado pela Corregedoria da Polícia Militar.

Quem tiver informações do paradeiro de Maurício pode entrar em contato com a Polícia Civil 197.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Suspeito de chacina no DF é encontrado e troca tiros com a polícia

A perseguição contra Lázaro Barbosa de Sousa, acusado de matar 4 pessoas no DF, ocorre em Cocalzinho (GO), na noite deste sábado (12/6) As polícias Militar do Distirto Federal (PMDF) e de Goiás (PMGO) iniciaram, na noite deste sábado (12/6), um cerco contra o suspeito de matar quatro pessoas, em chacina ocorrida em Ceilândia, no Incra 9. Informações preliminares apontam que Lázaro Barbosa de Sousa, 32 anos, roubou armas em uma fazenda à tarde . Ele fugiu com uma Beretta .22, uma pistola calibre .380 e 50 munições. homem foi localizado em Cocalzinho (GO) e, durante a perseguição, trocou tiros com a polícia. Informações preliminares apontam que três pessoas ficaram feridas e um refém estaria sob poder do criminoso. Lázaro é acusado de matar, na última quarta-feira (9/6), Cláudio Vidal de Oliveira, 48 anos, Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15. Ele ainda sequestrou Cleonice Marques de Andrade, 43 anos. O corpo dela foi encontrado neste sábado, em um matagal. O cad

Ex-pastora posa nua no OnlyFans e diz que ‘recebeu chamado’ após ver ‘Titanic’

A ex-pastora, Nikole Mitchell, era líder de uma grande igreja nos Estados Unidos, mas afirma que seu “verdadeiro chamado” era outro. De acordo com matéria do UOL, a stripper, que faz sucesso no OnlyFans, contou que ao assistir “Titanic” e ver a cena em que Rose (Kate Winslet) posa nua para Jack (Leonardo DiCaprio), percebeu que gostaria de fazer o mesmo. “Lembro que estava na oitava série quando assisti ‘Titanic’, e quando a câmera passou pelo corpo nu da Kate Winslet, pensei: ‘Quero fazer isso quando ficar mais velha’”, disse. Então disse que sempre teve esse tipo de pensamentos: “Esses desejos sempre estiveram lá, mas eu não tinha ninguém com quem falar sobre isso porque logo aprendi que esse não é o tipo de conversa que você tem dentro da igreja, infelizmente”, contou. A ex-pastora abandonou a vida religiosa em 2017. Hoje ela mantém a si mesma e seus três filhos com a renda gerada pelo conteúdo produzido no OnlyFans. https://www.oliberal.com/ Fonte: Geral Notícias 

Lázaro Barbosa colocou fogo em uma casa numa fazenda baleou um morador e atirou em mais três pessoas

Segundo G1 de Goaiás, um homem de 32 anos suspeito de matar um casal e dois filhos atirou em quatro pessoas ao fugir de cerco policial em Cocalzinho de Goiás, na noite de sábado (12), segundo o tenente Álvaro Mota, da Polícia Militar do Distrito Federal. Lázaro Barbosa de Sousa não foi localizado até as 10h deste domingo (13). A polícia usa helicópteros e cães farejadores na busca, disse o policial. O oficial informou que ele entrou em uma fazenda na zona rual de Cocalzinho e baleou um morador. Em seguida, fugiu para outra propriedade e atirou em mais três pessoas, que estavam acampadas no local. Ele também colocou fogo em uma casa da fazenda. Os baleados estão com estado de saúde estável, segundo o policial. Informações do G1 de Goiás