Pular para o conteúdo principal

Uruçuí-PI: Conheça o pré-candidato a vereador Edilson Miranda

Especialista em construção civil e autônomo, Edilson Miranda é uma das caras novas na política uruçuiense

Por Rodrigo Abreu, www.ranews.com.br — Brasília Distrito Federal 07/08/2020 Atualizado

Edilson Miranda tem seu nome na lista de pré-candidatos a vereador do PTB de Uruçuí-PI. foto de divulgação.



  Pensando no próximo pleito eleitoral que deverá acontecer em novembro de 2020, o Portal criou o espaço “Café e Conversa”, com o objetivo de apresentar à população os pré-candidatos aos poderes executivo e legislativo dos Municípios do Brasil.

Nesta sexta-feira (7), traremos a primeira entrevista do espaço " Café e Conversa" com o pré-candidato ao cargo de vereador em Uruçuí-PI, o Edilson Miranda do partido PTB.


Quem é o Edilson Miranda?



Edilson Miranda têm 49 anos de idade, cônjuge em união estável com Maria Salvadora Pereira dos Santos, pai de três filhos. Nasci aqui em Uruçuí, venho de uma família simples, tenho um estilo de vida simples, mas venho de uma família que traz valores de caráter, de honestidade, e tenho uma convicção bem certa do meu propósito de vida, eu entendo que nós estamos aqui para estar ajudando o próximo através dos nossos dons e talentos e sou um entusiasmado por causas em educação, trabalho e esporte e lazer. 



O que o levou a escolha pelo partido PTB, qual é a ideologia do partido?



Eu resolvi efetivamente assumir o desafio de pré-candidatura a vereador, foi com um propósito de poder contribuir para uma transformação política em nossa cidade. Eu fui à procura de um grupo que tivesse um projeto de políticas públicas e o PTB têm sido protagonista nesse sentido. 


Então eu ouvi alguns presidentes de partidos e o que mais me agradou, por também apresentar essas características e princípios, foi o projeto do PTB. Meu partido apoia o Prefeito Wagner Coelho, o prefeito desenvolve um bom trabalho na cidade de Uruçuí e região e defendemos emprego para as famílias.  



Edilson Miranda, essa é a primeira eleição em que de fato você coloca o seu nome à disposição, mas para que à população o conheça melhor, quais são suas raízes dentro da política Uruçuiense?



Nasci, estudei e moro em Uruçuí, desde muito pequeno trabalhei com minha família na Zona Rural da Estiva. Sou cristão e sempre fiz parte de grupos de ações sociais cultural. Entendo que à cultura tem um papel muito importante em preparar cidadãos mais conscientes para a sociedade, com o passar do tempo assumi lideranças na produção de eventos culturais e como mestre de obras em grandes  corporações de construtoras quando morava no Distrito Federal, um lugar que oxigena política. Partindo desse princípio, comecei a conhecer a política partidária, e por ter uma noção do tamanho da influência que à política tem na vida das pessoas, resolvi ir buscar conhecimento, buscar como funciona as relações de poder em uma sociedade de forma científica.


Ainda dentro deste contexto, qual a importância da participação do eleitor, nos processos de decisão de Uruçuí?



Entendo que a relação da sociedade com os políticos deve ser a mesma, as pessoas precisam cobrar dos gestores públicos, o que ela realmente espera para a sociedade. E para que essa cobrança tenha efeito, a sociedade precisa participar dos processos de decisão. Nós temos alguns mecanismos que garantem essa participação, mas precisamos cobrar dos nossos representantes a democratização destes mecanismos, e ainda mais, cobrar a criação de outros mecanismos que possam abraçar o maior número de pessoas, conforme as suas necessidades e impossibilidades. Uma cidade em que a sociedade é engajada e participa das decisões, das prioridades para alocação de recursos, uma cidade em que à população participa das escolhas de onde será investido o dinheiro público. Eu tenho com toda certeza é uma cidade mais transparente, mais próspera e desenvolvida, o meu sonho é ver Uruçuí assim.



Edilson Miranda, mudar esse pensamento quase que coletivo da população, onde se enxerga o eleitor apenas como um voto a ser computado, onde não se acredita mais em nenhuma forma de imputar o real significado da política em nossa sociedade?



Participar da política é mais que votar, acredito que se queremos políticos melhores, como sociedade precisamos nos preparar, para fazer uma melhor escolha. E como iremos escolher bons representantes, se não sabemos a real necessidade da nossa cidade. Acredito que o conhecimento através da educação é a melhor e única maneira de motivar as pessoas a querer participar da política.



Sobre o potencial de Uruçuí e suas considerações finais...



Uruçuí é uma cidade maravilhosa por seus diversos atributos, principalmente por suas riquezas naturais, mas eu vejo que com o passar do tempo, Uruçuí cresceu, mas não se desenvolveu de forma planejada e inteligente. E a consequência disso tudo, é a queda na qualidade dos serviços públicos. As regiões rurais precisam de uma atenção muito especial, principalmente no avanço da educação, trabalho e esporte e lazer. Quero agradecer a oportunidade em poder falar, daquilo que vem sendo as minhas motivações de projetos. Eu defendo que à política é uma ferramenta de transformação para melhorar a vida das pessoas, quero provar que quanto mais as pessoas participarem e estiverem informadas, melhor será pra todos. Afirmo que a transparência o combate a corrupção e a participação social, devem ser alicerces indispensáveis em um bom trabalho público.


Espaço Café e Conversa

Este espaço é destinado para qualquer figura pública, pré-candidatos e formadores de opinião do Brasil, se você deseja participar do CAFÉ E CONVERSA, entre em contato com o portal, através das redes sociais, pelo e-mail politicsofbrazil@gmail.com ou pelo telefone, 61 982587234.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto que o Brasil precisa

Willian Gonçalves Faria - Foto/divulgação       Willian Gonçalves faria, natural de Patos de Minas MG, 28 anos de idade, morador de São de Sebastião Distrito Federal , vem lutando pela melhoria das políticas pública de educação tem um projeto de sua autoria que percorre esferas do governo federal em prol da educação. O projeto: ”Ensino de Portas Abertas a Arte, Cultura e Inovação” – trabalhando o conceito vida consiste em introduzir dentro da matriz escolar soluções positivas junto a crianças e adolescentes apoiado pelos professores. Sendo construído em sala de aula em troca mútua de conhecimento, ou seja, o projeto consiste em inserir no dia a dia da escola ações que possibilitem tomadas de decisões com situações reais que acontecem no país. William Gonçalves Faria - Foto/divulgação  O jovem oriundo do Estado de JK, visionário igualmente ao presidente construtor da capital Federal conhecedor e experiente nas lutas e discurssões sociais por meio de ONGs e entidades representativas ecle

Moradores encontram cabeça decapitada em praça no Entorno do DF

 A  vítima foi identificada como Randerson Maximo Barbosa. A Polícia Civil do Estado de Goiás busca pelos autores do crime Por Darcianne Diogo 02/07/2021 23:29 - Atualizado Material cedido ao Correio Moradores encontraram, na noite dessa sexta-feira (2/7), uma cabeça decapitada na Praça Santa Lúcia, em Águas Lindas de Goiás — distante cerca de 48km de Brasília. Até a última atualização dessa reportagem, ninguém havia sido preso. O corpo não foi encontrado. Testemunhas relataram à reportagem que passavam pela área, quando se depararam com a cabeça. A perícia da Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) foi acionada e está no local. A vítima foi identificada como Randerson Maximo Barbosa. A polícia apura a motivação do crime. Ao longo das investigações, surgiu-se a informação de que o membro poderia ser do jovem, de 19 anos, assassinado em 13 de maio. O corpo de Mateus dos Santos Sousa foi encontrado decapitado em um córrego, na região de Brazlândia, próximo à Ponte Maranata, a 200 me

GDF lança edital para construção de creche na Estrutural

O Governo do Distrito Federal (GDF) publicou no Diário Oficial DF (DODF) o edital de concorrência para a construção de um Centro de Educação para a Primeira Infância (Cepi), na Cidade Estrutural. O espaço, que terá capacidade para receber até 188 crianças, foi orçado em R$ 3,4 milhões e deverá ser entregue à população no segundo semestre de 2022. A região reivindica há anos a existência de novas creches. Atualmente, segundo o governo, cerca de 276 crianças estudam em creches conveniadas justamente por falta de espaço público. Com a construção do Cepi, que vai ser edificado na Quadra 3, Área Especial 2, no Setor Complementar de Indústria e Abastecimento, o governo pretende atender as crianças em dois turnos ou em turno integral. O novo Cepi será constituído de cinco salas para atendimento à faixa etária de zero a seis anos; salas multiuso e administrativas, fraldário, lactário, sanitários, cozinha, refeitório, playground, fechamentos com gradil, portões e muro; calçadas, rampas, estacio