Pular para o conteúdo principal

Na Estrutural: Manifestação em frente ao CRAS pedem socorro e providências ao GDF


Moradores em frente ao CRÁS de Estrutural,  manifestando para chamar atenção do GDF e administração local para melhorar o teleatendimento no CRAS. 

O CRAS é uma unidade pública estatal descentralizada da política de assistência social sendo responsável pela organização e oferta dos serviços socioassistenciais da Proteção Social Básica do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) nas áreas de vulnerabilidade e risco social dos municípios e DF.

Mayara Noronha, na época chegou afirmar que seu salário seria doado para instituições de caridade. Ela assumiu o cargo no lugar de José Humberto Pires.

Mayara chegou a dar uma entrevista à TV Globo sobre iniciativas que promoviam doações em meio à pandemia do novo coronavírus. Ela afirmou que, no momento, uma das preocupações principais são as famílias de baixa renda.

"Cabe ao GDF olhar para essas famílias. Não dá para doar só pra quem é cadastrado em um programa social, ou à instituição que já é cadastrada. A gente também tem q ter o olhar atento à rua X da Estrutural ou do Sol Nascente."

Cabe ao GDF olhar para essas famílias? Isso mesmo gente.... Foi a fala da Secretaria Mayara, quando assumiu a pasta nomeada pelo esposo Ibaneis Rocha, em entrevista à TV GLOBO. Infelizmente, o governador Ibaneis Rocha, ainda não entendeu que em qualquer país do mundo existe a política social.

Uma das cidades que a Secretaria Mayara, dizia ter preocupação não demonstra. Hoje (25/05), manifestantes manifestaram pela manhã, em frente ao CRÁS na Estrutural. A reclamação dos moradores é única e objetiva, o teleatendimento do GDF se encontra ineficiente onde os cidadãos não acessam seus direitos sociais pelo canal de teleatendimento ao público. O motivo da manifestação organizada pelos moradores foi para chamar mais atenção da Secretaria de Assistência Social, Administração Regional do SCIA/Estrutural e o GDF para tomar às medidas necessárias que ainda precisam ser melhorado no teleatendimento na Secretaria de Assistência Social do Distrito Federal.

Funcionalidade 

O Disque Cras foi implementado emergencialmente com o objetivo de ampliar a capacidade de atendimento à comunidade.

Integram os serviços disponíveis pelo Disque Cras: solicitações de cesta emergencial, Auxílio por Morte, informações e para questões urgentes envolvendo violações de direitos. Outros serviços podem compor essa lista posteriormente.

Para agilizar o atendimento, é importante ter em mãos o CPF e a carteira de identidade.

Confira os novos números disponíveis:

CREAS TELEFONES
Núcleo Bandeirante 3386-1412 3386-2514
Brasília 3245-8131 3346-9332
Sobradinho 3387-2241 3387-8651
Ceilândia 3371-0376 3372-7866
Planaltina 3388-3151 3389-2032
Gama 3556-3973
Estrutural 3363-0064
Brazlândia 3391-1057
Samambaia 3357-1755 3357-5031
Diversidade 3224-4898
Taguatinga 3356-33155 3352-3380 3563-3842




CRAS

TELEFONES
Taguatinga 99448-7716 99450-9187 3354-7929
Varjão 99450-8381 3468-1862
Samambaia Expansão 99450-9813 98303-7659
Samambaia Sul 99451-1915 3358-7078
Santa Maria 99450-9744 3394-1757
São Sebastião 99450-8838 3339-1512 3339-4028
Recanto das Emas 99450-8862 3332-1482 3434-5788
Riacho Fundo I 99450-9238 3399-3243
Riacho Fundo II 99450-9182 3333-5223
Sobradinho 99450-9666 3487-1780
Sobradinho 2 99450-9666 3485-7198
Areal 99450-9187 3356-3796
Brazlândia 99450-8450 3391-1057
Ceilândia Sul 3373-7961 3372-9841
Ceilândia P Sul 99450-8801 3376-7318
Ceilândia Norte 99450-8417 99450-9264 3379-2220 3274-3104
Estrutural 99450-9725 3465-7556 3465-7558
Gama 99450-9219 3384-4810
Itapoã 99450-7072 3467-6001 3369-1516
Paranoá 99450-8834 3369-7903 3369-5262 3408-1863
Santa Maria 3394-1757
São Sebastião 3339-1512 3339-4028
Planaltina 99450-8795 3389-0437
Arapoanga 99450-8372 3488-7141
Núcleo Bandeirante 99450-9238 3386-1412 3386-2514
Candangolândia 3301-7735
Guará 3568-4059 99433-4393
Fercal 99450-8381 3483-2588
Cadangolândia 99441-7358 3301-7735
Brasília 3245-1822 3346-6769


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto que o Brasil precisa

Willian Gonçalves Faria - Foto/divulgação       Willian Gonçalves faria, natural de Patos de Minas MG, 28 anos de idade, morador de São de Sebastião Distrito Federal , vem lutando pela melhoria das políticas pública de educação tem um projeto de sua autoria que percorre esferas do governo federal em prol da educação. O projeto: ”Ensino de Portas Abertas a Arte, Cultura e Inovação” – trabalhando o conceito vida consiste em introduzir dentro da matriz escolar soluções positivas junto a crianças e adolescentes apoiado pelos professores. Sendo construído em sala de aula em troca mútua de conhecimento, ou seja, o projeto consiste em inserir no dia a dia da escola ações que possibilitem tomadas de decisões com situações reais que acontecem no país. William Gonçalves Faria - Foto/divulgação  O jovem oriundo do Estado de JK, visionário igualmente ao presidente construtor da capital Federal conhecedor e experiente nas lutas e discurssões sociais por meio de ONGs e entidades representativas ecle

Moradores encontram cabeça decapitada em praça no Entorno do DF

 A  vítima foi identificada como Randerson Maximo Barbosa. A Polícia Civil do Estado de Goiás busca pelos autores do crime Por Darcianne Diogo 02/07/2021 23:29 - Atualizado Material cedido ao Correio Moradores encontraram, na noite dessa sexta-feira (2/7), uma cabeça decapitada na Praça Santa Lúcia, em Águas Lindas de Goiás — distante cerca de 48km de Brasília. Até a última atualização dessa reportagem, ninguém havia sido preso. O corpo não foi encontrado. Testemunhas relataram à reportagem que passavam pela área, quando se depararam com a cabeça. A perícia da Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) foi acionada e está no local. A vítima foi identificada como Randerson Maximo Barbosa. A polícia apura a motivação do crime. Ao longo das investigações, surgiu-se a informação de que o membro poderia ser do jovem, de 19 anos, assassinado em 13 de maio. O corpo de Mateus dos Santos Sousa foi encontrado decapitado em um córrego, na região de Brazlândia, próximo à Ponte Maranata, a 200 me

GDF lança edital para construção de creche na Estrutural

O Governo do Distrito Federal (GDF) publicou no Diário Oficial DF (DODF) o edital de concorrência para a construção de um Centro de Educação para a Primeira Infância (Cepi), na Cidade Estrutural. O espaço, que terá capacidade para receber até 188 crianças, foi orçado em R$ 3,4 milhões e deverá ser entregue à população no segundo semestre de 2022. A região reivindica há anos a existência de novas creches. Atualmente, segundo o governo, cerca de 276 crianças estudam em creches conveniadas justamente por falta de espaço público. Com a construção do Cepi, que vai ser edificado na Quadra 3, Área Especial 2, no Setor Complementar de Indústria e Abastecimento, o governo pretende atender as crianças em dois turnos ou em turno integral. O novo Cepi será constituído de cinco salas para atendimento à faixa etária de zero a seis anos; salas multiuso e administrativas, fraldário, lactário, sanitários, cozinha, refeitório, playground, fechamentos com gradil, portões e muro; calçadas, rampas, estacio