Pular para o conteúdo principal

TRIPLO HOMICÍDIO Comparsa ajudou na fuga de suspeito de cometer triplo homicídio no DF

Na madrugada desta sexta-feira (11/6), Lázaro Barbosa Sousa invadiu uma chácara em Ceilândia, fez um funcionário como refém e roubou um carro. O veículo foi encontrado incendiado na BR-070, a 10 minutos de Cocalzinho de Goiás

Por Darcianne Diogo
11/06/2021 17:41 - Atualizado em 11/06/2021 20:58


Darcianne Diogo/D.A Press


O suspeito de cometer um triplo homicídio em Ceilândia Norte e sequestrar a empresária Cleonice Marques, 43 anos, contou com a ajuda de um comparsa para buscá-lo no meio da estrada, na BR-070. Lázaro Barbosa Sousa, 33, teria invadido uma chácara na madrugada desta sexta-feira (11/6), feito o caseiro de refém e roubado um veículo, um Palio branco.

O carro foi encontrado incendiado no meio da BR, a 10 minutos de Cocalzinho de Goiás. O comandante do Batalhão da cidade, o tenente Gerson de Paula, afirmou ao Correio que o suspeito, após incendiar o automóvel, foi buscado por um colega na rodovia. "O senhor que o buscou foi ouvido e continuamos em diligências. É o que podemos dizer até o momento", frisou o tenente.

Mais de 80 policiais civis e militares do DF e Entorno, auditores fiscais e rodoviários federais estiveram no município de Cocalzinho para localizar o paradeiro de Lázaro, que é investigado por cometer, pelo menos, 10 homicídios na região de Girassol (GO), Cocalzinho e no DF.

A mãe e o pai de Lázaro são separados e moram em Girassol (GO). Policiais também estiveram no endereço deles. O pai afirmou que não mantém contato com o filho há, pelo menos, seis anos. E a mãe informou que não sabe o paradeiro de Lázaro.

O caso

O sequestro da empresária Cleonice Marques, 43 anos, e a morte do marido, Cláudio Vidal, 48, e dos dois filhos, Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15, causaram forte comoção em todo o Distrito Federal. O principal suspeito do crime é Lázaro Barbosa Sousa, 33, um homem que acumula passagens por estupros, roubos e homicídio. Algumas questões, no entanto, seguem sem respostas.

Lázaro invadiu a residência da família no Incra 9 de Ceilândia Norte, por volta das 2h. Ele arrombou a porta e, em menos de 10 minutos, matou o marido de Cleonice e os dois filhos a facadas. Antes de conseguir entrar na casa, a empresária ligou para o irmão pedindo socorro. O familiar chegou ao imóvel em pouco tempo, mas se deparou com os corpos no quarto e não encontrou Cleonice. Mesmo agonizando, Cláudio conseguiu alertar o cunhado: “Age rápido. Levaram a Cleonice”, disse segundos antes de morrer.

Na tarde desta quarta-feira (9/6), as forças de segurança do DF se mobilizaram em uma mega-operação para tentar localizar a mulher e o suspeito. Buscas em um matagal próximo foram feitas durante todo o dia com cães farejadores, além do uso de drones. Nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (10/6), policiais do DF entraram no segundo dia de buscas.
Reféns

Durante a madrugada desta sexta-feira (11/6), policiais foram acionados para uma ocorrência de roubo em outra residência próxima ao Pesque-Pague Papaléguas, também em Ceilândia. Fontes policiais informaram que um homem invadiu a casa por volta das 20h de quinta-feira (10/6), amarrou o funcionário e levou o carro, um Palio Branco. Ele teria deixado o imóvel às 3h30 e seguiu para Cocalzinho (GO), onde ateou fogo no veículo.




Na manhã desta quinta-feira (10/6), Lázaro entrou armado em uma residência que fica a 3km de distância da chácara onde o marido de Cleonice, Cláudio Vidal, 48, e os dois filhos do casal foram mortos. Sílvia Campos, 40, proprietária do local, ficou sob a mira do criminoso por mais de três horas. Ao Correio, ela contou que o homem confessou participação no triplo homicídio. "Ele perguntou se eu estava acompanhando o noticiário e afirmou que estava envolvido, mas que não tinha agido sozinho", relatou.

O homem vestia camisa e boné camuflados e uma calça moletom preta. Armado, ele roubou cerca de R$ 200 da bolsa da mulher e colocou o celular para carregar em um dos cômodos da residência. O suspeito ainda obrigou Sílvia a cozinhar para ele e a lhe servir. "Ele ficou andando de um lado para o outro e perguntou se eu estava acompanhando o noticiário. Disse que ele participou do assassinato do empresário e dos dois filhos, mas que não agiu sozinho", relatou.

Por Darcianne Diogo
11/06/2021

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto que o Brasil precisa

Willian Gonçalves Faria - Foto/divulgação       Willian Gonçalves faria, natural de Patos de Minas MG, 28 anos de idade, morador de São de Sebastião Distrito Federal , vem lutando pela melhoria das políticas pública de educação tem um projeto de sua autoria que percorre esferas do governo federal em prol da educação. O projeto: ”Ensino de Portas Abertas a Arte, Cultura e Inovação” – trabalhando o conceito vida consiste em introduzir dentro da matriz escolar soluções positivas junto a crianças e adolescentes apoiado pelos professores. Sendo construído em sala de aula em troca mútua de conhecimento, ou seja, o projeto consiste em inserir no dia a dia da escola ações que possibilitem tomadas de decisões com situações reais que acontecem no país. William Gonçalves Faria - Foto/divulgação  O jovem oriundo do Estado de JK, visionário igualmente ao presidente construtor da capital Federal conhecedor e experiente nas lutas e discurssões sociais por meio de ONGs e entidades representativas ecle

GDF lança edital para construção de creche na Estrutural

O Governo do Distrito Federal (GDF) publicou no Diário Oficial DF (DODF) o edital de concorrência para a construção de um Centro de Educação para a Primeira Infância (Cepi), na Cidade Estrutural. O espaço, que terá capacidade para receber até 188 crianças, foi orçado em R$ 3,4 milhões e deverá ser entregue à população no segundo semestre de 2022. A região reivindica há anos a existência de novas creches. Atualmente, segundo o governo, cerca de 276 crianças estudam em creches conveniadas justamente por falta de espaço público. Com a construção do Cepi, que vai ser edificado na Quadra 3, Área Especial 2, no Setor Complementar de Indústria e Abastecimento, o governo pretende atender as crianças em dois turnos ou em turno integral. O novo Cepi será constituído de cinco salas para atendimento à faixa etária de zero a seis anos; salas multiuso e administrativas, fraldário, lactário, sanitários, cozinha, refeitório, playground, fechamentos com gradil, portões e muro; calçadas, rampas, estacio

Atos direcionados do GDF suspendem pagamentos de tributos de 138 imóveis do governador

  Fênix do Planalto   Sem categoria   26 out 2020 Atos direcionados do GDF suspendem pagamentos de tributos de 138 imóveis do governador Por Lucas Valença Informações do Quid Novi Com uma manobra patrimonial, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), evita pagar uma cifra milionária em impostos com a publicação de dois atos direcionados às empresas do próprio Chefe do Executivo e de sua ex-esposa, Luzineide Getro de Carvalho, emitidos pela Secretaria de Economia, subordinada à sua gestão. Ao total, 139 imóveis de propriedade do governador e de sua ex-mulher, com valor estipulado em cerca de R$ 61 milhões, estão listados para serem isentos do pagamento do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) de maneira irregular, segundo especialistas ouvidos pela reportagem. Um detalhe que chama a atenção é a velocidade com que as decisões tramitaram no Sistema Eletrônico de Informações (SEI), em menos de 10 dias. Os imóveis pertencentes à empresa do atual governador deveriam, em